domingo, 2 de novembro de 2014

Por Terras de Contrabando: memórias na 1.ª pessoa.






No dia 18 de outubro o Museu da Guarda recebeu mais um encontro NUOME. 

Nesta edição de outono, dedicada ao contrabando e às memórias associadas a esta tão "velha profissão", tivemos o privilégio de ouvir na primeira pessoa testemunhos únicos de um grupo de luxo: Odete Tavares, José Abílio Leal, José Manuel Campos, Neves Campos, Natividade Leal. Naturais da linda localidade de Foios, estes/as ex-contrabandistas abriram os véus das memórias e desvendaram ligeiramente as histórias e as estórias do contrabando na raia, demonstrando que estas memórias do contrabando, em articulação com as velhas amizades e laços familiares, são elos de ligação entre os habitantes de Foios e as localidades da vizinha Espanha, servindo de pretexto para comemorações conjuntas e visitas mútuas ao longo de todo o ano. 


As memórias partilhadas das gentes da fronteira podem e devem ser recolhidas, relembradas e revitalizadas num arquivo oral que permita a sua valorização e transmissão.






Sem comentários:

Publicar um comentário